Província de Bocas del Toro de Panamá.

 

A cidade de Panamá, capital de Panamá, é uma combinação de uma cidade muito moderna e uma cidade colonial espanhola separadas por um porto que é a entrada do lado do Pacífico ao Canal de Panamá.Se dirigir seu olhar desde a cidade colonial até a cidade moderna, se poderia perceber que é semelhante o panorama se compararmos América Central e o porto de Hong Kong, o Tifón.Se tem que atravessar o Panamá para chegar ao aeroporto de Bocas del Toro, já que o aeroporto que presta serviços no interior do Panamá, está separado do aeroporto internacional maior.

Uma característica muito interessante, que não tenho encontrado em nenhum outro país ao longo de minhas viagens:se você é um turista e tem uma emergência médica, a Autoridade de Turismo de Panamá lhe oferece seguro médico gratuito durante os primeiros 30 dias a partir do selo de entrada ao país.

Bocas del Toro é formado por um arquipélago e uma pequena parte do continente, na costa caribenha de Panamá- se sente como se o tempo tivésse parado ali, durante os últimos 40 anos.A ilha principal, Ilha Colón, é onde está localizada a cidade de Bocas del Toro, a qual costumava ser a sede panamenha da Companhia United Fruit.Nesse momento, as plantações foram o principal cultivo comercial na zona e a maioria do resto das ilhas estão cobertas de vegetações de manges desabitados ou selvas desabitadas.Hoje em dia o turismo é a indústria principal e Bocas del Toro se está estabelecendo para ter maior venda de turismo , entrando tanto dos Estados Unidos, como da América do Sul.

O meio de transporte principal entre a cidade de Panamá e Bocas del Toro são os vôos diários da linha aérea Aeroperlas Regional, divisão de Taca Airlines, uma das principais companhias aéreas nacionais, que conectam Centro América e América do Sul com a América do Norte.

Taca trabalha associadamente com Avianca e Copa Airlines e todos os membros de Star Alliance.Rolando Pereira, Gerente Comercial de Aeroperla, nos acompanhou amavelmente, no transcurso de nossa excursão a Bocas.

A indústria hoteleira da zona está dominada por americanos expatriados, que têm criado e atualizado alguns dos complexos turísticos mais interessantes, que se encontram em outras ilhas de Colón, assim como tem comprado e modernizado muitos hotéis, alojamentos e B&B ( um alojamento que oferece "cama e café da manhã) em Bocas del Toro.Há muitos lugares projetados exclusivamente para famílias com crianças, enquanto que outros, especialmente em Bocas, são para casais ou solteiros.

Falei com vários dos proprietários/gerentes destes hotéis e todos têm uma coisa em comum:sentem que seus investimentos os têm permitido escapar da rotina opressiva dos Estados Unidos e os têm proporcionado uma vida de qualidade,mesmo quando eles têm que trabalhar por muitas horas para manter suas pequenas propriedades na competição com os centros turísticos maiores.

Enfim, ninguém passaria demasiado tempo nos quartos,já que há muitas praias para nadar e ou mergulhar, recifes para mergulhar, barcos pesqueiros para ir pescar e nas noites, bares e clubes, onde a música e os bailes se prolongam até o amanhecer.

A maioria dos lugares da cidade, que visitamos contam com um desenho mobiliário clássico, com sabores tropicais e grande parte dos móveis são de fabricação local por indígenas.Por exemplo, a butique Hotel de Bocas del Toro de Carla Ranking,proprietária e administradora, oferece amplos e confortáveis quartos com móveis feitos para um ambiente íntimo personalizado.Conta com restaurantes de temática náutica ao ar livre e um bar no porto de Bocas.

Outra característica da rua Principal que pensei que poderia ser agradável foi o Hotel & Suítes Palma Royale, um edifício tropical de quatro pisos, administrado por Melisa Werle e localizado a só 20 metros do mar.O hotel oferece 4 encantadores estúdios com pátios no térreo e 5 suítes com cozinhas totalmente equipadas em outros pisos.Há outras cinco suítes sem cozinha e o sotão vazio que conta com uma suíte de dois quartos e 2 banheiros.Todas as suítes contam com uma varanda privada e lindas vistas do mar e das montanhas.

Me alojei nas suítes Tropicais na rua Principal de Bocas.Um hotel de 16 suítes a um preço médio ( um pouco mais caro que os outros hotéis similares localizados em Bocas), as quais muitas vezes são conhecidas como " suítes de eficiência" isto é, os quartos são maiores e incluem uma cozinha totalmente equipada.Meu quarto tinha uma cama king size.Esta é uma propriedade de luxo em Bocas, a qual é propriedade de um casal americano Chip e Jamie ( ex-investidores de bancos da cidade de Nova York), que estão realizando seus melhores esforços para proporcionar um ambiente agradável, acolhedor e de qualidade.Há planos para construir um restaurante e improvisar e um bar no apartamento debaixo, onde estava a rampa do navio em construção.

Há umas poucas propriedades de luxo nas outras ilhas, e todos os hotéis que visitamos estavam impecavelmente limpos e decorados com pinturas e esculturas de artistas locais.

Situado na ladeira de uma colina, coberta de plantas e flores tropicais, se encontra o Hotel e Restaurante La Coralina.O hotel é uma propriedade pequena e luxuosa em seis hectáres, com uma decoração dos Mares do Sul, com reminescências da arte da Indonésia. O restaurante ao ar livre oferece pratos de mariscos bem preparados e o bar se destaca por suas bebidas tropicais.As plataformas exteriores têm mesas com guarda-sóis, cadeiras e bancos feitos à mão, oferecendo uma bonita vista ao mar – atualmente se está instalando uma piscina e uma jacuzzi.Ao caminhar costa abaixo,até a praia, você poderá encontrar passeios a cavalo, se isso lhe apaixona.As veredas privadas da natureza irradiam da propriedade.Este é um paraíso tropical.

Outra propriedade notável de Punta Caracol Acqua Lodge na Isla Colón, construída completamente sobre a água, em um semicírculo ao redor de uma lagoa, cercada por manguezais espessos. Oito casinhas com telhado de palma e terraços dianteiros e traseiros, os quais podem alojar até 4 pessoas e a suíte Master podem alojar até 6 pessoas.Estas suítes estão construídas em uma plataforma de forma octogonal que se conecta com um passeio marítimo , a oficina, o restaurante e o bar.Os pacotes incluem translado desde e até o aeroporto de Bocas de Toro. Todos os pacotes são baseados em um plano americano modificado, ou seja, café da manhã e jantar estão incluídos no preço cotado.Também oferece um pacote de lua de mel especial, que inclui atividades e equipe de esnórquel, assim como café da manhã e jantar com velas, uso de um caiaque, chá da tarde ( ou café) com cookies e muitos outros benefícios.

Lagoa Azul Eco Lodge é uma casa de estilo colonial britânica, localizada em uma ilha privada, rodeada de mangues e um recife de coral na ilha Popa.O albergue dispõe de 6 amplas suítes com varandas privadas.O equipamento de ginástica e uma mesa de bilhar se encontram situados em uma estrutura exterior que se conecta ao edifício principal por um pavilhão flutuante e uma escada de madeira que se dirige até o recife de coral.A cozinha também é uma estrutura separada e a preparação de aperitivos é excepcional.Os pratos principais e as sobremesas são de qualidade igual a dos lugares maiores em Bocas.

A cidade de Bocas me recorda a vida em algumas das ilhas do Mediterrâneo nos anos 50 e 60.Praticamente todo o mundo falava Inglês, ainda que o idioma oficial fosse o espanhol.Durante a semana que passei ali, a verdadeira vida não começava antes do meio dia e se prolongava nos bares e lugares noturnos até o amanhecer ( mesmo quando nós tínhamos que levantar cedo para tomar o barco que a Câmara de Comércio utilizou para nos mostrar diferentes zonas do arquipélago) A vida noturna de Bocas del Toro tem algo para todo o mundo: um bar diferente e/ ou restaurante e / ou clube para cada noite da semana ou se o preferir, pode visitá-los, todos na mesma noite, a maioria estão alinhados, um atrás do outro, na rua principal.

Por certo, a comida em Bocas é uma delícia, sobre tudo o pescado e os mariscos frescos das águas que rodeiam, assim como pratos de frango ou carne de porco e o jardim de saladas e verduras frescas e pratos de arroz estilo espanhol ou Caribenho.

A versão local do cebiche foi excepcional. Durante um dos dias da minha estadia, almoçamos lagostas locais sem garras, que mais pareciam caranguejos gigantes, mas eu sabia que era lagosta.

O rum era o ingrediente principal que acompanha a maioria dos coquetéis,embora outras bebidas alcóolicas para desfrutar com coquetéis também haviam em abundância nos bares. Bebidas de frutas e de rum, ou simplesmente as bebidas de sumo de fruta estavam disponíveis universalmente e eram muito saborosas,já que são feitas de fruta madura recém cortada e esprimida. A mesma fruta fresca se utiliza para fazer deliciosas sobremesas e sorvetes.

Os vinhos são importados em sua maioria da América do Sul, entre eles se destacam os vinhos chilenos argentinos e uruguaios , que estão disponíveis na maioria dos restaurantes.