Expedição recria a rota de Balboa

Se o espanhol, Vasco Núñez de Balboa estivesse vivo, ficaria satisfeito de saber, que 500 anos depois de ter avistado o Mar do Sul, um grupo de expedicionários se deu a tarefa de imitar a rota que ele tomou em Darién para fazer esta travessia

De 14 a 25 de fevereiro passado, um grupo de aventureiros tomou por casa, a selva darienita para fazer a expedição “Entre dois mares”, e suas vivências e anedotas serão coletadas através da “Rota de Balboa”, um projeto de Aprendo, programa educativo de Corporação La Prensa, com o apoio da Autoridade do Canal de Panamá.

A equipe foi formada por Rick Morales, Beatriz Schmitt, Líder Sucre, Enrique Arias, Candy Valle e Segundo Sugasti, em conjunto com o jormalista, fotógrafo e designer Alexander Arosemena, que escreveu os episódios do trajeto em formato de crônica.

Além de seguir a “Rota de Balboa”, os expedicionários captaram particularidades, como a relação que tem a comunidade da província com a natureza e como o abate das árvores tem desfigurado seu panorama original 

Wendy Tribaldos, gerente de Aprendo, assinalou que a intenção do projeto é “que nossos leitores se sintam parte da travessia feita pela expedição”. O programa Aprendo sempre está em busca de projetos em prol do país, que contribuam para a reflexão e o acervo cultural, comenta Tribaldos. “Quando soubemos desta expedição, seus objetivos e a qualidade humana e profissional das pessoas, que participariam, não tivemos dúvida em apoiá-la”. 

Fonte: www.laprensa.com.pa