Panamá o cativou, para ele é a sua segunda pátria.

Germain Courchesne proveniente de uma família de pintores. Três irmãos seus cultivam esta arte.A vida dá muitas voltas.Ninguém sabe ao certo, onde estará amanhã, mas isto faz parte da grande aventura, que é cada dia na existência humana.Constata o pintor canadense Germain Courchesne. Radicado há cinco anos em nosso país, agora que está aposentado desenvolve a pintura.Durante 20 anos,ele usou a palavra, para construir pontes entre trabalhadores e empregadores.

Foi negociador. Uma profissão bem reconhecida no norte do país. ”Os sindicatos em meu país são muito fortes.Negociava as condições de trabalho com os trabalhadores”, afirma.Antes de chegar ao Panamá viveu 12 anos na República Dominicana.Oriundo de Gatineau, em Quebec, se sente muito confortável em nosso país.O que mais ele gosta é “que não tem frio, como em meu país”.

Embora tenha um filho (David) e duas filhas (Myriam e Julie) em Montreal, adultos já e três netos, decidiu que viver no Panamá é o que quer. Junto com a sua esposa Darline, de Haiti.Ela nos informou que eles estão há dez anos juntos.Nem a diferença de idade (68 ele e 36 ela) de cultura , nem de etnia tem sido impedimento para que sejam felizes.

A pintura tem sido uma experiência deliciosa para ele.Ele a desfruta na totalidade.É o quarto da família, que escolheu examinar o seu mundo interior e exterior valendo-se desta bonita arte.Como seus irmãos Serge, Denis e Pierre em Montreal.

Costuma alternar os momentos que se dedica a pintura, preferivelmente duas ou três horas nas tardes, com outra paixão, jogar xadrez. Embora, também goste da música mexicana e do país .Ah e comer.

Disse sua esposa, que ele é uma boa pessoa e é simples nos gostos.

Quando ele volta de uma viagem, ela prepara um prato que ele adora: carne moída, que passa na manteiga com molho branco e batatas fritas. Podem apreciar sua arte no Hotel Crowne Plaza Panamá em Via Espanha.A técnica que usa nestas propostas é o acrílico.Verão uma mescla de abstrato-realismo, onde prevalecem suas cores favoritas:verde, roxo e negro Eye of the hurracane”, “Drácula village”,” Moon over Pacific”, “Wolf man, Neptune dance” e “Stormy union”, são alguns de seus quadros.